Deixa ser, deixe estar…

Quando pensamos demais, ou racionalizamos demais todas as coisas, vamos contaminando a mente com ilusões, com falácias, vamos tentando controlar tudo o que acontece na nossa vida. E aí reside toda sorte de comportamentos negativos, das decepções, dos mal entendidos. Sempre julgamos com as lentes sujas, cheias de ego e de orgulho ferido. Quando se pensa, pensa e pensa que se sabe alguma coisa de si, da vida ou dos outro, sofre, sofre por ter que encarar que na realidade é só mais uma pessoa solitária e perdida na imensidão.

Deixa ser, deixe – se, descontrole-se!!

Deixa as pessoas e você serem o que são, sem tantos julgamentos desnecessários. A pessoas não precisam ser adivinhadas ou descobertas, basta compreensão daquilo que se é, sem ilusão, sem muitas expectativas ou rótulos.

Só a vida a fluir como é…Em todas as dimensões.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s